ABIH-GO cria projeto para ajudar jovens em potencial situação de risco


Conta-se com apoio de instuições de cursos profissionalizantes para o desenvolvimento dos jovens em situação de vulnerabilidade

 

A ABIH-GO (Associação Brasileira da Indústria de Hotéis de Goiás) firmou parceria com o Juizado da Infância e da Juventude de Goiânia com o objetivo de criar atividades conjuntas para acolher jovens em potencial situação de risco ou vulnerabilidade social. 

Chamado "Meu Guru", o projeto visa conseguir apoio de instituições de ensino profissionalizante para oferecer aos jovens cursos preparatórios para o mercado de trabalho. Em seguida, os mesmos serão encaminhados a vagas de emprego nos hotéis parceiros da iniciativa, atuando como menores aprendizes. 

Jovens e desenvolvimento social

Vanessa Pires Morales, presidente da ABIH-GO, acredita que é preciso pensar em uma sociedade mais solidária, com as instituições se posicionando e apresentando novas ideias para gerar mudanças. “Proporcionar a estes adolescentes formação profissional e sua inserção no mercado de trabalho, dentro da modalidade adequada para o perfil de cada um, será fundamental para que os mesmos possam ter oportunidades mais justas, buscando a sua efetiva reinserção social”, comenta.

Para Fabricio Amaral, assessor jurídico da ABIH-GO, o projeto sintetiza a missão institucional da entidade dentro do aspecto social. Além disso, oferece sua parcela de contribuição a esses adolescentes que se encontram em condições de vulnerabilidade. 

Em tempos de desemprego alto, especialmente entre os jovens, o debate sobre a importância do papel desses atores na sociedade tem ganhado relevância em todo o mundo. Em novembro do ano passado, por exemplo, a Meiá Hotels apoiou a Fundação Princesa de Girona, na Espanha. 

Assim como a ABIH, a preocupação principal da rede espanhola foi o desenvolvimentos social dos adolescentes. Durante quatro dias, a empresa ensinou a importância da marca pessoal e forneceu as ferramentas e os conhecimentos necessários para progredir profissionalmente.

(*) Crédito da imagem: ABIH-GO/Divulgação 

Comentários